1.013 quilômetros de rota Lisboa-Santiago para lutar contra o câncer

José Manuel Bernal Herrera e José Benítez Pérez, dois atletas não profissionais, se propuseram o desafio de percorrer um caminho de 1.013 quilômetros que ligará Cabrión dos Gramados (Sevilha) com Santiago de Compostela (Galiza), a fim de angariar fundos para a luta contra o câncer

1.013 quilômetros de rota Lisboa-Santiago para lutar contra o câncerJosé Manuel Bernal Herrera e José Benítez Pérez, dois atletas não profissionais que se propuseram o desafio de percorrer um caminho de 1.013 até Santiago de Compostela para arrecadar fundos contra o câncer. Foto cedida por atletas.Caminho de Santiago, peregrinos da saúde

Segunda-feira 06.10.2014

Quarta-feira 27.08.2014

Quatro corações e um Caminho de Santiago

Terça-feira 18.06.2013

Ambos os atletas começaram a aventura no passado dia 27 de julho, quando saíram de seu povo, Cabrión dos gramados (Sevilha), rumo a Santiago de Compostela (Galiza).

Este caminho de Santiago, por Via da Prata, aunará um total de 1.013 quilômetros, distribuídos em 23 etapas, em que os corredores percorrerão uma média de 45 quilômetros por dia, tanto em bicicleta, como a pé.

“O caminho vai bem. Hoje, 3 de agosto, acabamos de terminar a oitava etapa, chegamos à Barragem de Alcántara (Cáceres) e apesar de alguns problemas, vamos bem”, diz à EFE um dos dois atletas que estão cumprindo o desafio, José Manuel Bernal.

“Acumulamos quilômetros, não descansamos bem em albergues porque a gente dorme lá não te deixa dormir… Mas o que mais contente, tem-nos é o acompanhamento e o apoio das pessoas”, assegurou o quinto dos infernos.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o câncer matou cerca de 8,2 milhões de pessoas em 2012, e é por isso que ambos os atletas decidiram que o dinheiro que recolhidas será destinado à Associação Portuguesa de Luta contra o Câncer (aecc) para contribuir para a investigação sobre esta doença.

“O câncer é uma doença que nos afecta a todos, seja directamente ou por familiares, amigos ou vizinhos, que já teve ou conhece algum caso. A gente está se solidarizando e já doaram mais de 7.000 euros”, comenta.

O percurso terminará no dia 18 de agosto, o prazo para doar o dinheiro. “Não temos um objetivo. Não há limite, mas eu acho que com facilidade chegamos aos 8.000 ou 9.000 euros.

No caso de querer contribuir para a doação, as empresas que queiram patrocinar o desafio podem doar um mínimo de 400 euros, enquanto as pessoas físicas interessadas deverão proporcionar um mínimo de 10 euros para a seguinte conta de LaCaixa: ES71 2100 8378 9501 0003 9741.

(Não Ratings Yet)
Loading…

Leave a Reply